Nós usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nossos site. Ao visitar nosso portal, você concorda com esse monitoramento e com nossa Política de Privacidade.
Panorama

  • Avicultura - Publicada em 30/07/2021

Dos cortes ao animal vivo, preços do frango atingem recorde nominal

O frango vivo vem apresentando valorizações sucessivas, sustentadas pelo alto custo de produção e pela boa liquidez da carne

Leia também:

Como a nutrição de precisão pode contribuir na produção de carne de frango de qualidade

Produção avícola conta com tecnologia como alternativa aos antibióticos melhoradores de desempenho

Conheça as regiões que importam carne de frango brasileira e suas preferências



Por: CEPEA - Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada Departamento de Economia, Administração e Sociologia ESALQ - Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz USP - Universidade de São Paulo
30/07/2021

As cotações da avicultura de corte estão em alta consecutiva no mercado interno, operando em patamares recordes nominais, de acordo com dados do Cepea. O frango vivo vem apresentando valorizações sucessivas, sustentadas pelo alto custo de produção e pela boa liquidez da carne. No mercado da proteína, a competitividade elevada do produto na comparação com as substitutas bovina e suína e o repasse das valorizações do animal mantêm os preços da carne firmes. Já no mercado de cortes e miúdos, as altas mais intensas foram registradas para os produtos mais voltados ao mercado interno como filé, peito e coxa com sobrecoxa.

Arquivos para download:



Comentários Comente essa notícia