Nós usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nossos site. Ao visitar nosso portal, você concorda com esse monitoramento e com nossa Política de Privacidade.
Destaque

  • Coronavírus - Publicada em 25/09/2021

Cascavel manterá parques fechados e transporte desmobilizado

Fiscalização também será mantida ao longo dos próximos dias, principalmente para alertar sobre os protocolos de enfrentamento ao coronavírus. Toque de recolher será mantido e aulas na rede pública municipal continuarão suspensas

Leia também:

MARFRIG ANUNCIA DOAÇÃO PARA ATENDIMENTO MÉDICO A COMUNIDADES VULNERÁVEIS DA AMAZÔNIA

Secretaria de Agricultura mostra impactos da pandemia em dez produtos agropecuários paulista

Garantir o abastecimento de alimentos a grupos vulneráveis e fortalecer circuitos curtos de comercialização, essenciais do setor agroalimentar da América Central e República Dominicana para enfrentar os desafios da Covid-19



Por: Prefeitura Municipal de Cascavel
25/09/2021

As ações de combate à Covid-19 terão sequência com a manutenção de algumas restrições estabelecidas na semana passada, como o fechamento dos parques, zoológico, Lago Municipal e suspensão do serviço de transporte público. O anúncio foi feito na manhã desta terça-feira (16) pelo chefe de Gabinete, Thiago Stefanello, que também coordena o Comitê de Crise para supervisão e Monitoramento dos Impactos da pandemia de Covid-19, durante reunião que apresentou um balanço da atual situação da pandemia em Cascavel.

Segundo Stefanello, a suspensão do transporte coletivo deve permanecer por pelo menos mais uma semana. Números apontam uma redução dos casos ativos desde que o transporte foi suspenso. Casos ativos são aqueles em que a pessoa foi infectada e ainda está no período em que pode transmitir a doença.

Números mostram que no dia 2 de março, quando o transporte deixou de circular, havia na cidade 1.014 casos ativos. Ontem (15), o número havia caído para 680 casos. O número de testes positivos caiu de 100 para 20 diários. “Isso tudo só nos vai dar reflexo hospitalar só daqui a a 15 ou 20 dias”, explica Stefanello sobre a importância de manter as medidas.

A Prefeitura pretende manter o toque de recolher, as aulas na rede municipal suspensas e a proibição de festas e eventos. A fiscalização realizada ao longo dos últimos dias apontou que a grande maioria dos comerciantes está preocupada com o atual momento e cumprindo as regras. O problema, segundo Stefanello, está nas festas que aglomeram pessoas como aniversários, casamentos e outros eventos. “Falta muita conscientização”, afirma.

Quatro frentes

O Município de Cascavel vem trabalhando o enfrentamento à Covid-19 em quatro pontos: estruturação, fiscalização, vacina e legislação. Na questão de estruturação, Stefanello lembra que em fevereiro do ano passado Cascavel possuía  99 leitos de UTI adulto - 53 no sistema SUS e 46 leitos privados. Ao longo de um ano Cascavel, ganhou 92 novos leitos de UTI, todos pelo SUS. São 50 no Hospital Universitário do Oeste do Paraná, 30 no Hospital de Retaguarda, 10 no Hospital do Coração e 2 no São Lucas.

Arquivos para download:



Comentários Comente essa notícia